Quarta, 01 Abr 2020
Nota Pública contra o PL do Estatuto da Família

Não aceitamos e exigimos direitos iguais, não apenas às famílias homoafetivas, mas, a todas as famílias que não se enquadram nesse núcleo discriminatório e restrito apresentado. E denunciamos mais uma estratégia de sobrepujar a autonomia das mulheres, impondo mais uma lei restritiva e criminalizante aos direitos das mulheres, que podem ter sua saúde e vida sob riscode morte.

Que nossa Constituição seja respeitada e se sobreponha ao fundamentalismo religioso e arcaico, que desrespeita as próprias leis formadoras de nosso Estado.

 
 

Comentar


Código de segurança
Atualizar