Quarta, 14 Nov 2018
GRAB LANÇA MAPEAMENTO DAS ORGANIZAÇÕES, GRUPOS E COLETIVOS DE DEFESA DOS DIREITOS DA POPULAÇÃO LGBTI+ NO CEARÁ, DOS MUNICÍPIOS DE FORTALEZA, GUAIÚBA, ITAPIPOCA, E PACATUBA.

 

Avançando nas lutas sociais por Direitos
O projeto Tecendo a Cidadania LGBT no Ceará é uma iniciativa do Grupo de Resistência Asa Branca – GRAB com apoio do Fundo Brasil de Direitos Humanos. O objetivo é contribuir para ampliar as espostas e as interações sociais em prol da cidadania e do controle social das políticas públicas para a população LGBT no Estado do Ceará, construindo uma rede de empoderamento entre ativistas LGBTI+ de diversos municípios do estado. Consolida-se a intenção mútua (entre GRAB e Fundo Brasil de Direitos Humanos) de promover e trabalhar em defesa dos Direitos Humanos no Brasil, por meio da Litigância Estratégica em Direitos Humanos.

Rede Tecendo a Cidadania LGBT no Ceará
Como enfrentamento ao cenário LGBTfóbico do Ceará foi criada a Rede Tecendo a Cidadania LGBTI+ no Ceará em janeiro de 2018, com a participação de 25 (vinte e cinco) ativistas LGBT dos municípios de Fortaleza, Guaiúba, Itapipoca, Maracanaú e Pacatuba que participaram do Curso de Formação Política, Cidadania e Direitos da População LGBT realizado pelo projeto/Grupo de Resistência Asa Branca – GRAB. A rede tem a finalidade de servir para ampliar o diálogo entre os/as ativistas, organizações e coletivos, para a militância política e para que haja mais iniciativas e ações que contribuam para o fortalecimento dos sujeitos políticos LGBTI+ (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais, intersexuais, etc.), em suas vivências individuais e coletivas.

Mapeamento das organizações LGBTI+
O projeto realizou um mapeamento das diversas organizações, coletivos e grupos sociais que têm em sua pauta o ativismo em Direitos LGBTI+. Os perfis são muito variados (organizações LGBT, studantis, sindicais, de bairros, das juventudes, ONGs, das lutas anti-racismo, etc.) e constituem um conjunto rico de informações sobre os sujeitos coletivos que incidem politicamente em prol da cidadania LGBT.
O mapeamento compreendeu a área de abrangência do projeto, ou seja, os municípios de Fortaleza, Guaiúba (região metropolitana), Maracanaú (RM), Pacatuba (RM) e Itapipoca (região Norte), e pode ser acessado no link abaixo. Este instrumento pretende ser ampliado e atualizado com frequência.

 

 

Faça parte da Rede Tecendo a Cidadania LGBT no Ceará e contribua para a ampliação do Mapeamento das organizações LGBTI+ nos enviando os dados das organizações, grupos e
coletivos LGBTI+ do Ceará.
E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.
Facebook: https://www.facebook.com/Tecendo-a-Cidadania-LGBT-no-Cear%C3%A1-721912284810217/?modal=admin_todo_tour

 

 

Comentar


Código de segurança
Atualizar