Sexta, 03 Jul 2020
XI Parada pela Diversidade Sexual do Ceará

          O Grupo de Resistência Asa Branca - GRAB está a todo vapor com os preparativos para a XI Parada pela Diversidade do Ceará, que acontecerá no dia 27 de junho de 2010 (domingo), em Fortaleza, na Avenida Beira Mar, a partir das 13h. Na sede do GRAB, acontecem reuniões semanais para encaminhar as demandas relacionadas ao evento, contando com a presença da diretoria da entidade e membros de outras organizações da sociedade civil. Nestes encontros, já foram definidas questões como tema, programação, madrinha, logomarca e o teor político da manifestação.
          Com o tema “Vote Contra a Homofobia, Defenda a Cidadania!”, a XI Parada pela Diversidade no Ceará traz como pauta de reivindicação a consolidação de instrumentos de combate à discriminação, dentre os quais se destaca a aprovação do Projeto-de-Lei nº122/06 (tramitando no Senado), que criminaliza a homofobia.

           Nesta edição, o posto de madrinha da Parada caberá a Prof.ª Dr.ª Zelma Madeira. A escolhida é Doutora em Sociologia e Professora do Curso de Serviço Social da UECE. Zelma desenvolve com seriedade estudos na área de Sociologia da Família, Relações de Gênero e Étnico-raciais, demonstrando compromisso com a causa, de forma que o GRAB entende que a homenageada dará ainda mais respaldo ao evento. “É uma honra e também uma responsabilidade (...). A questão da diversidade sexual é uma luta que atravessa o movimento de mulheres e o movimento negro”, afirmou Zelma durante as reuniões de organização da XI Parada, disponibilizando-se ainda a continuar com sua contribuição com a luta do movimento LGBTT, defendendo a necessidade de pautar as questões relativas às sexualidades nos seus espaços de atuação. Zelma já havia contribuído com a Parada em ocasiões anteriores, especialmente em 2007, quando o evento trouxe o tema “Por um mundo sem machismo, racismo e homofobia”.
           De acordo com o GRAB, o teor político desta edição da Parada tornou necessária a proposição de algumas atividades, tendo em vista levar o debate acerca da cidadania LGBTT de forma prática à população, como promover debates e seminários sobre Direitos Humanos e Sexualidades e reforçar ações já promovidas, pautadas na prevenção e na conscientização contra a homofobia, de forma que tal discussão seja predominante nas atividades que antecedem a Parada, assim como durante o evento.
           Nesta edição, a concentração terá início às 13h (em frente à Barraca do Joca) e o público seguirá as instruções da organização da Parada, Guarda Municipal e Polícia Militar, que estarão presentes no local.
           Por conta do contingente de pessoas, a organização da XI Parada limitou o número de trios elétricos que participarão do percurso em oito. Percorrerão, da Avenida Beira Mar à Avenida Historiador Raimundo Girão, além do Trio Oficial (do GRAB), carros de outras organizações e órgãos de políticas públicas LGBTT cearenses, além de casas noturnas e uma batucada de tambores artesanais, organizada pelo Grupo LAMCE e parceiras.
           A logomarca do evento é assinada pela designer e artista plástica Srta. Labelle, inspirada no tema adotado. Segundo esta, o processo de criação considerou a simbologia do ato de votar e a necessidade de que a nação brasileira, representada nas cores verde e amarela (centralizadas na mão, junto a outras cores do arco-íris) assuma uma postura efetiva de combate à homofobia.
           A XI Parada pela Diversidade Sexual do Ceará é organizada pelo GRAB, em parceria com outras organizações e movimentos LGBTT e aliados na luta contra a homofobia, com apoio do Ministério da Saúde, Governo do Estado do Ceará e Prefeitura Municipal de Fortaleza.


A Programação

           Em 2010, Além do percurso tradicional pela Avenida Beira Mar, no dia 27 de junho, a XI Parada conta com uma programação ampla e diversificada, que incluiu o lançamento e realização de campanhas, oficinas, atividades culturais e educativas sobre Cidadania e Saúde, Show da Consciência homossexual, Feira Mix e Exposição LGBT, Seminário, encontros, exibições de vídeos, dentre outras atividades.

          - I Encontro Saúde sem Homofobia:
acontece no dia 14 de junho, das 9 às 17h, no IMPARH. O evento está inserido entre as atividades que antecedem à realização da XI Parada pela Diversidade Sexual do Ceará, procurando sensibilizar os profissionais da Atenção Básica para um atendimento não-homofóbico e cidadão às populações LGBTT. O evento visa, ainda, dar início aos esforços da Campanha de Testagem em HIV, sífilis e vacinação para hepatite B, que será realizada pelo Centro de Orientação e Aconselhamento Sorológico- COAS de Fortaleza. Espera-se reunir cerca de 100 trabalhadores/as das 92 unidades básicas de saúde de Fortaleza, que participarão de grupos de discussão e construirão, ao final, uma bandeira de 11 metros com as cores do arco-íris, que simboliza a diversidade sexual, e a luta pelo fim do preconceito, da discriminação e da homofobia, ornada com desenhos e palavras de ordem que serão levados durante o trajeto da XI Parada, na Avenida Beira Mar.

          - Batucada tambores de safo: é uma iniciativa do grupo Liberdade do Amor entre Mulheres do Ceará – LAMCE, que realizará quatro oficinas de tambores e ritmos políticos na Casa Feminista Nazaré Flor (Dias 05, 06, 12 e 13/06) e ensaios abertos na Praça da Gentilândia (dias 18 e 25/06, das 17 às 21h). As oficinas e ensaios são atividades preparatórias para a Batucada feminista durante a XI Parada, que vem à frente do trio oficial (do GRAB), reivindicando visibililidade para as populações de mulheres Lésbicas e Bissexuais. Os tambores confeccionados ficarão expostos durante a Feira Mix e exposição LGBTT.

          - Campanha “Fique Sabendo”: é uma atividade proposta em parceria com Coordenadoria de DST/Aids e Hepatites (Secretaria de Saúde de Fortaleza), que acontecerá de 21 a 25/06 (segunda a quinta). A campanha tem como objetivo estimular realização do teste anti-HIV, possibilitando o diagnóstico precoce e a melhoria qualidade de vida para as pessoas. Dentre as estratégias da Campanha no município de Fortaleza, especialmente durante a Feira Mix e Exposição LGBTT da XI Parada, encontra-se a distribuição de material informativo e encaminhamento para testagem rápida para diagnóstico do HIV. Neste período, o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) do Centro de Saúde Carlos Ribeiro (Rua Jacinto Matos, 944, bairro Jacarecanga) e outros 21 centros de saúde da rede municipal deverão disponibilizar o teste rápido, cujo resultado sai em meia hora.

          - Encontro de Lideranças de Travestis e Transexuais do Ceará: trata-se de um momento em sujeitos travestis e transexuais se reunirão para debater os desafios e as perspectivas da organização política trans no Ceará, assim como as demandas contemporâneas do movimento. Tal atividade é organizada por um coletivo de organizações de Travestis e Transexuais, com o apoio da Coordenadoria de políticas públicas para a Diversidade Sexual de Fortaleza e acontecerá no dia 24/06 (quinta), no Hotel Amuarama (Av. Oswaldo Studart, 888- Bairro de Fátima), das 10 às 13h.  

          - Seminário “Vote contra a Homofobia: defenda a cidadania!”: momento em que ativistas do movimento LGBTT, pesquisadores, aliados à luta no combate à homofobia e demais interessados discutirão a vivência das homossexualidades, a interface entre sexualidade e cidadania, assim como estratégias de enfrentamento da homofobia em Fortaleza. Na ocasião, será lança em Fortaleza a campanha “Sou Travesti e mereço respeito”, além dos dados da pesquisa X Parada pela Diversidade Sexual: indicativos sobre perfil, direitos e contextos de vulnerabilidade da população LGBTT no Ceará, realizada pelo Núcleo de Pesquisas sobre Sexualidade, Gênero e Subjetividade (NUSS/ UFC), em parceria com o GRAB, em 2009. Os participantes poderão, ainda, assistir à exibição de lançamento dos documentários sobre a X Parada e do I Encontro Nacional de Jovens Gays e outros HSH, com a presença dos idealizadores e do diretor Vagner de Almeida. Os 50 primeiros participantes receberão camisas da Parada, gratuitamente, mediante a doação de 2 kg de alimentos não perecíveis (para efeito de troca, não serão contabilizadas as doações em sal), a serem doados à Central de Abastecimento Alimentar da Associação de Voluntários do hospital São José (para pessoas que vivem com HIV e Aids em situação de pobreza).

          - Feira Mix e Exposição LGBTT: Espaço onde a exposição de materiais institucionais com recorte de diversidade sexual e o comércio de artigos que fazem alusão ao universo LGBTT dividem espaço com apresentações culturais e a oferta de serviços, na Praça do Ferreira.. A programação cultural da Feira fica por conta da performance de Yasmim Nóbrega (dança contemporânea),  Cabaré da Dama (teatro/ performance drag), Maracatú Vozes da África, exposição de telas e tambores artesanais, além dos Dj’s Fábio Vieira e Flávio Vasconcelos.  A Feira Mix e exposição LGBTT é organizada pelo GRAB e será realizada nos dias dia 25 (sexta  - 14 às 20h) e 26/06 (sábado – 09 às 16h).

          - Balcão da Cidadania LGBTT: Organizado pela Coordenadoria de Políticas Públicas para a Diversidade Sexual do Ceará, o Balcão da Cidadania ofertará serviços de orientação em saúde, encaminhamentos, atendimento jurídico, dentre outros, a partir das 9 da manhã dos dias 25 (sexta) e 26/06 (sábado).

          - Show da Consciência Homossexual: trata-se de uma festa alusiva ao dia Mundial do Orgulho LGBTT (28 de junho), incorporado ao calendário oficial do município de Fortaleza através Lei n° 8626/2002. A data celebra a memória do Levante de Stonewall, ocasião em que, obstinados a resistir à recorrente repressão policial à vivência de homossociabilidades em um conjunto de bares de Nova York, homossexuais que freqüentavam o bar The Stonewall In reagiram combativamente às agressões ali sofridas, travando confrontos que excederam a noite do dia 28 de junho 1969. Desde então, esta data fora tomada como símbolo de resistência à intolerância e opressão à diversidade sexual, assim como a demarcação do processo de organização em torno da luta por direitos humanos relativos à sexualidade. Realizado pela Coordenadoria da Diversidade Sexual da Prefeitura de Fortaleza, o show levará para a Praça do Ferreira a cantora Dianah, Kátia Freitas e outras atrações locais, a partir das 17h do dia 26/06.

          - XI Parada pela Diversidade Sexual do Ceará: desde 1999, a Parada em Fortaleza vem se caracterizando como um momento de aglutinação de sujeitos de distintas orientações sexuais, que se reúnem para reivindicar o fim do preconceito e a garantia de direitos de LGBTT, celebrando a diversidade e o orgulho. Em 2010, a XI Parada tomará as ruas da Avenida Beira Mar, das 13 às 22h, no dia 27 de junho, mobilizando a população LGBTT cearense para a necessidade de refletir sobre o voto consciente como instrumento importante na luta contra a homofobia. O Trio oficial da Parada (do GRAB) puxará palavras de ordem e realizará a leitura de um manifesto político-cultural em defesa dos direitos humanos de LGBTT. Tal manifesto será musicado e reproduzido nos outros sete trios confirmados (Coordenadoria da Diversidade Sexual de Fortaleza, Movimento de Travestis e Transexuais do Ceará, Ônix Dance/ Parada Gay do José Walter, Garota G, boate Meet e Donna Santa). Falas de lideranças do movimento LGBTT, da Madrinha da Parada (Dra. Zelma Madeira) e apoiadores acontecerão durante a abertura e “hora da militância”. As vítimas da homofobia no país receberão uma homenagem às 18h, quando será proposto um minuto de silêncio. A música fica por conta dos DJ’s Fábio Vieira e Guga de Castro, além das performances de Joyce Malkomes e Dimmy Kieer(Dicesar, BBB 10). À frente do trio oficial, a Batucada Tambores de Safo, organizada pelo grupo LAMCE, apresentará seus “ritmos políticos”, unindo o som da percussão às reivindicações pela visibilidade lésbica. Além da bandeira de 11 metros, confeccionada durante o seminário “Saúde sem Homofobia”, uma bandeira gigante do arco-íris abrirá o percurso da Parada, simbolizando a diversidade sexual e a luta pelo fim da homofobia.

 

          Recomendações da organização: Para maior segurança e bem-estar dos (as) participantes da XI Parada pela Diversidade Sexual do Ceará, recomendamos o uso de roupas leves, filtro solar e a ingestão de líquidos durante o percurso, evitando o uso abusivo de bebidas alcoólicas. Aos pais, recomendamos atenção às crianças. Os participantes deverão evitar portar documentos e objetos que se façam desnecessários para a ocasião. Desejamos a todos e todas uma parada tranqüila, divertida e tomada pelo sentimento de solidariedade e companheirismo. Celebrar a diversidade é combater a homofobia! Viva a Parada!

 

PROGRAMAÇÃO COMPLETA ABAIXO:   PDF | GIF

RELEASES ABAIXO:   Release nº 1 | Release nº 2 |  Release nº3  |  Release nº4

Veja também: Mais de 1 milhão celebram a diversidade



 

comentários 

 
#5 homofobiaesther porto 19-04-2012 10:46
Estou sendo vitima de homofobia. A mais de um ano minha saúde foi roubada, por causa das torturas emocionais e o assedio moral por ser casada com contrato de união estável com uma mulher. Uma senhora terceirizada essa senhora se chama Dênise Viana Uchoa. Ela alega que estou fora dos padrões sociais e o assedio moral ficou muito agressivo me levando a tirar lincença medica com quadro de depressão e letargia. Essa história começou com um vizinho cheio de trafico de influencia e o sindico do condominio que me perseguião pela minha orientação sexual...foram ao meu trabalho formalizar uma queixa contra minha pessoa. Agradeço minha companheira Fernanda Pessoa por ter cuidado de mim na minha falta de saúde...sem ela com certeza eu não estaria viva para contar essa historia. Sem mais.
há 2 minutos · Curtir
há ± um minuto · Curtir
Citar
 
 
#4 Endereço do GRABgrab 28-06-2010 17:43
Citando john bernardo:
oioi quero saber como faço pra encotra o endereço do grab


No menu existe o item Contato onde você pode encontrar o endereço completo do GRAB John.
Boa Sorte. Abraço.

Segue o link:
http://www.grab.org.br/index.php?option=com_contact&view=contact&id=2&Itemid=60
Citar
 
 
#3 quero saber onde fica o grabjohn bernardo 28-06-2010 16:54
oioi quero saber como faço pra encotra o endereço do grab
Citar
 
 
#2 Respostagrab 23-06-2010 00:30
Citando Damião Gomes:
Por favor voceis poderiam min informar como faço para no dia da parada eu ir no trio eletrico e só convite? e se podemos comprar obrigado beijos!!!!!!!!! !!



Damião, cada trio organiza de modo independente sua lista de convidados. A Parada pela Diversidade Sexual do Ceará é um evento organizado pelo movimento social LGBTT. Portanto, não sendo uma atividade do mercado, nenhum trio elétrico está autorizado a comercializar vagas durante o percurso, denuncie!
Citar
 
 
#1 duvidsDamião Gomes 21-06-2010 12:50
Por favor voceis poderiam min informar como faço para no dia da parada eu ir no trio eletrico e só convite? e se podemos comprar obrigado beijos!!!!!!!!! !!
Citar
 

Comentar


Código de segurança
Atualizar